18 DE MAIO É TEMA DA REUNIÃO SOCIOEDUCATIVA COM FAMÍLIAS NO CRAS DE JUMIRIM

Fundo Social de Solidariedade - Sexta-feira, 24 de Maio de 2019


18 DE MAIO É TEMA DA REUNIÃO SOCIOEDUCATIVA COM FAMÍLIAS NO CRAS DE JUMIRIM

 

O dia 18 de maio é relevante para a história recente do Brasil, porque nesse dia, no ano de 1973, uma menina de 8 anos foi sequestrada, violentada e cruelmente assassinada no Espirito Santo. Os assassinos, descobertos,  nunca foram punidos.

A data ficou instituída como o “Dia Nacional de Combate ao Abuso e à Exploração Sexual de Crianças e Adolescentes” a partir da aprovação da Lei Federal nº 9.970/2000.

A ocorrência de tantos casos de violência contra nossas crianças e adolescentes só aumenta a cada ano e, isso, exige de todos nós um olhar mais atento à realidade que nos cerca. Assim, foi abordado o tema na reunião socioeducativa que todos os meses acontece no CRAS de Jumirim.

Quem falou sobre o assunto foi a promotora legal popular, Kátia Elisa, da cidade de Tatuí. Ela trabalha na divulgação, mobilização e conscientização da importância de se falar sobre essa problemática da qual ninguém está imune. Kátia também trabalha na busca de ações que evitem o abuso e exploração sexual contra crianças e adolescentes junto a escolas, creches e profissionais que atuam na área da proteção à infância e juventude.

Com um público de mais de 40 munícipes, a presença dela entre as pessoas que participam do CRAS, serviu para alertar a todos nós sobre a importância de estarmos atentos e vigilantes com nossos filhos e buscarmos ajuda quando percebermos que algo não está normal com nossas crianças.

 

 

 

Prefeitura Municipal de Jumirim


Estado de São Paulo